GLÚTEN


É muito comum ouvirmos falar por aí sobre "dietas sem glúten" ou "intolerância ao glúten", mas afinal, o que significa isso? Primeiramente, é importante saber que o glúten é uma proteína que encontramos nos seguintes alimentos: trigo, centeio, aveia, cevada e seus derivados. Mas porque tantas pessoas evitam consumi-los e acabam por cortar das refeições? Isso pode ocorrer por dois principais motivos. O primeiro, por causa da doença celíaca (intolerância ao glúten), uma doença auto - imune que afeta o intestino delgado, pois quando o glúten tem contato com a mucosa (camada que reveste o órgão), ocorre uma inflamação provocada pelo encurtamento das vilosidades (dobrinhas microscópicas presentes na mucosa, responsáveis pela absorção dos nutrientes como cálcio, carboidratos, vitaminas, sais minerais, gordura e ferro), por causa dessa diminuição das vilosidades, os nutrientes essenciais ao organismo não são absorvidos. Isso causa alguns problemas como vômito, diarreia, anemia, perda de peso, fraqueza, alterações na pele, inchaços, alteração no ciclo menstrual, infertilidade, entre outras. Essa doença pode atingir tanto crianças, como adultos e idosos também e quando identificada, a pessoa deve cortar das suas refeições alimentos que contenham glúten, para ter um correto funcionamento do intestino delgado.

O segundo motivo pelo qual as pessoas preferem cortar o glúten é o emagrecimento. Porém, não há nenhuma comprovação científica de que a restrição a essa proteína auxilie a emagrecer. O que ocorre é que a maioria dos alimentos calóricos, como massas, pães, biscoitos, pizzas, entre outros tem como principal proteína o glúten. Dessa forma, se retirarmos das refeições esses alimentos e substituirmos por outros mais saudáveis, consequentemente vamos consumir menos calorias e perder peso. O processo de digestão do glúten, é mais demorado e difícil, podendo causar um “esticamento” do intestino, gerando inchaços. Por isso, se os alimentos que o contenham forem cortados, também dará a impressão de ter ocorrido uma perda de peso.

Antes de iniciar uma dieta sem glúten, procure saber se é realmente necessário. Consulte um médico especialista e descubra se você possui intolerância a essa proteína. Se não for o caso, não há nenhuma contra indicação. Mas é sempre importante lembrar que a melhor forma de emagrecer é investir em uma alimentação balanceada, praticar exercícios físicos e sempre cooperar para uma vida saudável.